O Pior Português de Sempre

A grande Iniciativa O INIMIGO PÚBLICO / O EIXO DO MAL pretende apurar quem é O Pior Português de Sempre: Que político / personalidade mais contribuiu para a ruína do nosso País? Quem melhor encarna as piores qualidades do povo português? Decida você mesmo quem fez disto uma choldra!

posts recentes

Morra o blog!

Vencedores

19 horas

Terça-feira, 13

A última fase

Adenda

Pequena alteração

5 eleitos

Boas Festas!

As Justificações

Visitas

21060 visitas até ao início da votação! visitas desde o início da votação

SIGA O DEBATE


Veja as novas sugestões todos os Sábados, n'O INIMIGO PÚBLICO e n'O EIXO DO MAL, às 00:00h na SIC Notícias.

Links





Sondagem IP/Eixo do Mal
Acha que Salazar deveria pertencer a que lista?
A do Melhor Português
A do Pior Português
A ambas
A nenhuma

arquivos

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

pesquisar

 
blogs SAPO

subscrever feeds

Quinta-feira, 2 de Novembro de 2006

Piores portugueses "anónimos"

Dedicamos os primeiros candidatos de Novembro à categoria Os Piores Portugueses Não Muito Conhecidos de Sempre:

Ivo Guedes
O pior português de sempre, ainda vive, anda por aí misturado na multidão, é casado, tem dois filhos. O pior português de sempre SOU EU!!! É verdade e vou explicar o porquê: Sou funcionário público, logo é por minha causa que: o défice é o que é, a idade de reforma aumenta, os empresários não investem mais, o preço do petróleo aumenta, há época de incêndios, há corrupção, há desperdício de dinheiros públicos, os salários não têm aumentos reais, o Belmiro de Azevedo faz a OPA à PT, a PT não quer a OPA do Belmiro, sinónimo de "direitos conquistados" é "privilégio" e o processo Casa Pia nunca mais termina. Sou professor, logo é por minha causa que os meninos nada sabem, tiram más notas nos exames, têm aulas de substituição, são mal educados, utilizam uma escrita abreviada, comem doces na escola, ficam traumatizados pois quando não estudam eu tenho a lata de lhes dizer que se não trabalharem não conseguirão atingir os seus objectivos, tratam mal os pais, vêem a Floribela, não passam sem uns shots quando saem à noite, nas estatísticas europeias no que respeita à educação ficamos sempre nos últimos lugares, e não aceito este novo ECD ( estatuto da carreira docente). Sou dirigente sindical, logo é por minha causa que a verdadeira reforma da função pública não avança, a verdadeira reforma da educação não avança, o TGV não avança, o aeroporto da OTA não avança, o Sócrates mantém a namorada mas não avança para o casamento, nas sondagens o PSD não avança, a remodelação do Governo não avança, um código de trabalho mais moderno e adaptado aos novos tempos e à realidade económica associada à nova situação geopolítica não avança. Por estas razões assumo as minhas responsabilidades e aceito a honra de ser o pior português de sempre... até ao dia em que perceberem que bem pior que eu é o Sr. Eng. José Sócrates!

António Estrela
Após uma análise fria e independente da situação sócio-economica e cultural do país sou levado a concluir (porque sou inteligente) que o PIOR português de sempre sou EU MESMO. Esta minha conclusão baseia-se em factos que me caracterizam salientando apenas alguns: - Sou Funcionário público;- Nunca li a BOLA nem o Miguel de Sousa Tavares;- Odeio Futebol, incluindo a selecção nacional, o ‘pai’ Scolari, Madail e outros murcões (salvaguardo o Major das batatas por ser quase tão mau como eu)- Nunca fui a pé a fátima;- Votei em plena inconsciência no senhor SocratesSe estes factores não chegarem para que me seja atribuido o titulo de ’pior portugues de sempre’ só vejo uma outra alternativa . O título deve ir, por questões de responsabilidade cívica, para o PAI DO SENHOR eng JOSÉ SOCRATES

Eugénio
O pior portugues é sem duvida nenhuma o MEU VIZINHO DE BAIXO MAIS O DESGRAÇADO DO CÃO DELE , QUE LADRA COMO UM ANIMAL

Pedro Valente
O arrumador da rua onde habito, "contratado" pelo empreiteiro da obra em frente ao meu prédio, com o objectivo de reservar o maior nº de lugares possíveis. Fazendo uso do seu aspecto corpulento, sujo e reflector (usa permanentemente um destes novos e obrigatórios coletes reflectores) associado a uma linguagem com claros apelos à violência, afastando com isso, qualquer cidadão mais atrevido que tenha a intenção de estacionar a viatura nos lugares "reservados para a obra". Obra essa, que funciona sem qualquer taxa de ocupação da via pública, sem protecção dos transeuntes, sem sinalização de perigo. Tudo isto e mais alguma coisa é possível num país perto de sí!


Iremos continuar a publicar os nomes que nos vão chegando. Envie as suas sugestões para o e-mail do blog com uma pequena justificação da sua escolha e ajude-nos a eleger O Pior Português de Sempre.
publicado por Pior Português de Sempre às 11:17

link do post | favorito
|